Anna Wintour e Christopher Bailey querem aprender mais com a Zara

Imagem de Anna Wintour sentada na mesa de seu escritório na Vogue  - anna wintour - O que Anna Wintour quer aprender com a Zara
Anna Wintour, editora-chefe da revista Vogue americana (Foto: Reprodução)

A Zara é um caso de amor para o consumo de moda. Seus produtos com as últimas tendências da moda europeia e preços incríveis tornam a fast fashion espanhola uma das mais altas autoridades em varejo, tanto que desperta o interesse de Christopher Bailey (da Burberry) e da toda poderosa Anna Wintour.

Em uma recente reunião da Conde Nast para discutir o futuro da revista Glamour, Wintour recordou-se do depoimento de Christopher Bailey, que visitou a sede da Zara na Espanha e ficou deslumbrado com o modelo de negócio da empresa, principalmente pelo fato dos executivos não acreditarem em reuniões. Essa é uma das razões que torna a cadeia produtiva da marca tão eficiente e rápida, pois não se perde tempo, simplesmente.

Segundo o WWD, Anna Wintour afirmou estar intrigada pela eficiência da Zara e planeja fazer uma visita pessoalmente a sede da fast fashion – o que é um super endosso para a cultura da etiqueta.

Vale lembrar que a Zara precisou se adaptar ao Brasil e implantou uma cadeia de fabricação de roupas no país, o que tornou mais fácil a chegada de peças novas duas vezes por semana dentro das lojas.

Comente!