Gastronomia

SEM DESPERDÍCIO

By 19 de dezembro de 2013 No Comments

Transformar as sobras da Ceia de Natal - 01  - Transformar as sobras da Ceia de Natal 01 - SEM DESPERDÍCIO

Todo ano a história se repete: seja na Ceia de Natal ou no Réveillon, todos os familiares e amigos se reúnem para celebrar, trocar presentes e, claro, comer e brindar. No dia seguinte, as pessoas voltam a se juntar para almoçar o que restou da noite anterior e tentar terminar com tanta comida. Mas, que tal inovar este ano e, ao invés de simplesmente requentar as sobras, caprichar um pouco mais e repaginar os pratos da Ceia?

Transformar as sobras da Ceia de Natal - 03  - Transformar as sobras da Ceia de Natal 03 - SEM DESPERDÍCIO

Transformar as sobras da Ceia de Natal - 02  - Transformar as sobras da Ceia de Natal 02 - SEM DESPERDÍCIO

Transformar as sobras da Ceia em uma torta ou um sanduíche para o dia seguinte não é tão trabalhoso, mas demonstra um cuidado e um carinho com a família. O importante é soltar a criatividade e criar uma refeição saborosa. Além disso, modificar os pratos do dia anterior pode ser uma alternativa para evitar o desperdício.

Para ajudar, aí vão minhas dicas para quem quer transformar a refeição da noite anterior em um almoço diferente e caprichado:

Transformar as sobras da Ceia de Natal - 06  - Transformar as sobras da Ceia de Natal 06 - SEM DESPERDÍCIO

– O tender pode ser fatiado e usado para rechear pequenos sanduíches. Eles serão servidos como aperitivo.

– Com o bacalhau e as batatas é possível fazer bolinhos para recepcionar os convidados. Outra entrada que faz muito sucesso é o bolinho de arroz. Mas, caso prefira evitar frituras, outra opção para reaproveitá-lo é temperá-lo com as castanhas e as uvas passas que não foram consumidas.

– Utilizando uma das carnes desfiadas e acrescentando-a ao arroz já temperado e ao vinho branco que ficou aberto, é possível fazer um delicioso risoto.

– As carnes assadas precisam de um cuidado maior para não ficarem ressecadas. Uma boa dica é transformá-las em recheios de tortas ou quiches. Outra possibilidade é fatiá-las e acrescentar um molho à base de vinho tinto ou frutas.

– O panetone e as frutas que não foram consumidos podem ser transformados em pavês para a sobremesa. As frutas desta época do ano são excelentes para serem transformadas em caldas de doces, geléias ou chutneys.

Transformar as sobras da Ceia de Natal - 04  - Transformar as sobras da Ceia de Natal 04 - SEM DESPERDÍCIOTransformar as sobras da Ceia de Natal - 05  - Transformar as sobras da Ceia de Natal 05 - SEM DESPERDÍCIO

 

Mas é sempre bom lembrar que, mesmo que os alimentos já estejam pré-prontos, ainda assim será necessário um tempo e dedicação para prepará-los. Por isso, o ideal é escolher um ou dois alimentos para serem transformados e não tentar refazer toda a ceia, principalmente se você acordou tarde. Outra observação importante é sempre estar atento(a) ao estado de conservação dos alimentos. Com o calor típico de dezembro, algumas comidas estragam rapidamente se ficarem sem refrigeração por longos períodos.

Comente!

Renata La Porta

Renata La Porta

Formada em administração de empresas na Europa, a carioca Renata La Porta sempre soube exatamente o caminho que iria trilhar. Aos 5 anos, amava escargot. Ainda na infância já participava da organização de suas festas de aniversário, criando cardápios e coquetéis divertidos. Empreendedora inata teve seu primeiro salário aos 14 anos, como professora de inglês. Aos 16, quando partiu para a Suíça, passou a arcar com seus estudos com trabalhos em restaurantes e buffets que ajudaram a lapidar seus talentos. De volta ao Brasil, foi na capital federal que construiu uma das principais marcas no segmento de catering, em operação desde 1998

Leave a Reply

dois × cinco =